Dicas Fitness24/05/2018 (0)

Com zíper ou colchetes: qual cinta devo usar?

Com a grande variedade de cintas modeladoras que existem no mercado, fica difícil  escolher o modelo adequado para você. Uma das opções que deixam muita gente em dúvida na hora de escolher a cinta é o modelo dos fechos: será que é melhor usar cinta com zíper ou com colchetes?

Ambas possuem o mesmo material e têm as mesmas funções: melhorar a postura, afinar a cintura e tantos outros benefícios que vocês provavelmente já conhecem. Mas cada uma delas possui vantagens, e iremos explicar melhor cada uma delas para que você saiba escolher o modelo ideal de cinta modeladora!

Vantagens da cinta com zíper

A cinta que fecha com zíper possui duas grandes vantagens em relação às cintas com colchetes. Uma das vantagens é a facilidade de fechar a cinta: com o zíper, geralmente é mais fácil vestir a cinta sem precisar da ajuda de ninguém, pois na cinta com colchetes é preciso fechar um colchete de cada vez e isso, quando a pessoa ainda não tem prática, leva tempo. A cinta com zíper pode economizar esse tempo!

Outra grande vantagem, principalmente para mulheres, é que a cinta de zíper marca menos por baixo de roupas muito justas. Portanto, se você pretende comprar uma cinta modeladora para usar aquele vestido bem colado, a cinta de zíper é a melhor opção.

Vantagens da cinta com colchetes

Apesar da cinta com ziper ser mais fácil de fechar, é comum fechar um zíper muito rápido e ele “beliscar” sua pele – quem já passou por isso, sabe como é chato e dói! Portanto, a cinta de colchetes pode ser mais demorada para vestir, mas ela não irá te “beliscar” no processo.

Uma vantagem importante da cinta com colchetes é que a maioria dos modelos que possuem esse tipo de fecho tem duas opções de regulagem: assim como um sutiã, você pode escolher o primeiro ou o segundo fecho, se desejar ela mais apertada ou um pouco mais solta. Isso é importante principalmente para quem está passando por um processo de emagrecimento, pois desta forma, você poderá usar a mesma cinta mesmo depois de perder algumas medidas.

Analisando as vantagens dos dois modelos, podemos afirmar que não existe uma resposta certa para saber qual das duas cintas é melhor: é questão de gosto, adaptação e principalmente saber qual irá se adequar melhor ao seu objetivo. Pesquise qual é o modelo que mais te atrai e não perca tempo para ter a cintura dos sonhos!





Envie um Comentário








ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Fique por dentro de todas as novidades